agenda do congresso capa

Retorna à pauta da CCJ do Senado projeto antissindical

Veta taxa a ser paga pelos trabalhadores em razão de acordo ou convenção coletiva. Emenda foi inserida no PL que não trata de financiamento sindical.
congresso supremo

Centrais apresentam agendas legislativa e jurídica ao Congresso

Objetivo é subsidiar a atuação das entidades na construção de políticas públicas no Parlamento. A jurídica organiza os grandes temas submetidos ao STF.
centrais sindicais crise rs

Centrais propõem ao MTE medidas para enfrentar crise no RS

São iniciativas de políticas públicas de caráter sociais e econômicas imediatas, estruturais, nacionais e de trabalho, emprego e renda.
Veja mais Agência DIAP
camara deputados 2018
 
15 renovaram o mandato, e 13 são novatos. Do ponto de vista do gênero, 9 são mulheres, e 19 são homens. Os “debutantes” foram os mais votados nestas eleições.

 
O resultado das eleições para a Câmara dos Deputados trouxe muitas novidades e surpresas. Uma dessas é a quantidade de eleitos e reeleitos que não precisaram dos votos de federações para conquistar o mandato. Esses, são apenas 28, que em todo Brasil, se elegeram com os próprios votos. 

boulos nikolas deputados 22
Boulos (Psol-SP) e Nikolas (PL-MG), os candidatos mais votados para a Câmara | Fotos: Reprodução/Twitter

Leia também
:
Trata-se, pois, de grupo seleto que a cada eleição, que neste pleito teve aumento, mas que na média tem diminuído. Em 2018, foram 27; 2014 foram 35; e em 2010, 36.

Entre os 28 eleitos em 2022, 1/5 (6), são de esquerda, centro-esquerda e centro. São 3 do PSol; 2 do PT; e 1 do PSB. E 4/5 são de centro-direita a direita. São 9 do PL; 4 do PP; 2 do PSD; 2 do Republicanos; e 1 de cada partido a seguir: Cidadania, Avante, Novo, Republicanos e Podemos. 

Reeleitos e novatos 
Dentre os campeões de votos para a Câmara, 15 renovaram o mandato, e 13 são novatos. Do ponto de vista do gênero, 9 são mulheres, e 19 são homens. Os novos foram os mais votados nestas eleições.

No quesito proporcionalidade, o grande campeão de votos foi o novato, Amon Mandel, atualmente vereador de Manaus. Com apenas 21 anos, recebeu 14,59% dos votos válidos. Foram 288.555 votos. O mais votado no Brasil, com apenas 26 anos, foi o vereador de Belo Horizonte (MG), bolsonarista, Nikolas Ferreira (PL), com 1.492.047 votos.

Os mais votados estão distribuídos em 12 estados: Alagoas (1), Amazonas (1), Bahia (1), Ceará (1), Distrito Federal (1), Goiás (1), Minas Gerais (2), Paraná (4), Pernambuco (2), Rio de Janeiro (4), Rio Grande do Sul (4) e São Paulo (6).
 
campeoes de votos 22
quociente eleitoral 22
 

Artigos

Veja mais Artigos

Notícias

Veja mais notícias

Publicações do Diap

  1. Estudos Políticos
  2. Quem foi Quem
  3. Estudos Técnicos
  4. Cabeças do CN
  5. Educação Política
Veja mais publicações

Canal Diap

Acessar o canal

Nós apoiamos

Nossos parceiros