Morre em São Paulo o ex-deputado Alberto Goldman

Share

O ex-deputado Alberto Goldman (PSDB-SP) morreu na tarde deste domingo, em São Paulo. Ele tinha 81 anos estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Sírio-Libanês desde o dia 19 de agosto, após passar mal e se submeter a uma cirurgia no cérebro. Na Agência Câmara

alberto goldman
Goldman foi deputado federal em seis legislaturas e participou de debates sobre a criação de Imposto Único Federal e mudanças na Previdência | Marcelo Camargo | Agência Brasil

Goldman foi deputado federal por 6 legislaturas, sendo a 1ª em 1979 e a última de 2003-2007. Renunciou ao mandato de deputado em dezembro de 2006, para assumir o cargo de vice-governador de São Paulo.

Foi deputado estadual por 2 mandatos (1971-1978) e ministro dos Transportes no governo de Itamar Franco. Em sua trajetória política atuou no PCB, foi do MDB antes de se filiar ao PSDB, em 1997.

Na Câmara, integrou colegiado que debateu a criação de Imposto Único Federal e diversas comissões que discutiram mudanças na Previdência Social.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), lamentou a morte do parlamentar. “Presto aqui minha homenagem ao amigo e colega na Câmara dos Deputados Alberto Goldman. Assumimos a liderança da oposição na mesma época, eu no PFL e ele à frente do PSDB, e construímos, no período, uma grande amizade”, tuitou Maia na sua rede social.

Nós apoiamos

Nossos parceiros