Banco Central reduz taxa Selic a 4,25% e afirma fim de cortes

Share

O Banco Central, por meio do Copom (Comitê de Política Monetária), realizou reunião, nesta quarta-feira (5), para decidir sobre a taxa básica de juros, a Selic. A deliberação do comitê foi pela redução de 4,50% para 4,25% ao ano e sinalizou o fim do ciclo de cortes.

banco central juros selic
Foto: Banco Central | Flickr

Esse foi o 5º corte na taxa de juros desde julho do ano passado, quando a taxa estava em 6,50% ao ano. Após 4 cortes de 0,50 percentual, este último, de 0,25% teve a menor redução. Segundo o BC, a política monetária está mais potente, porém os cortes ainda não foram manifestados completamente na economia.

O ICC (Indicador de Custo de Crédito) do Banco Central, apesar da taxa ter atingido sua mínima histórica, expõe que a redução ainda não atingiu consumidores e empresas. A Selic caiu 2,25%, enquanto a taxa média de juros de operações contratadas em dezembro diminuiu apenas 0,2 ponto ao ano.

A Selic é a taxa básica de juros da economia no Brasil, utilizada no mercado interbancário para financiamento de operações com duração diária, lastreadas em títulos públicos federais. A sigla Selic é a abreviação de Sistema Especial de Liquidação e Custódia. (Com O Brasilianista)

Nós apoiamos

Nossos parceiros