PL 1.992/07: apresentado substitutivo; prazo para emendas

Share

Foram apresentadas 60 emendas ao texto original. Destas, 52 foram aprovadas integralmente, duas parcialmente, e dezessete foram rejeitadas. O projeto de lei do Executivo poderá ser votado antes do recesso (18 de julho), na Comissão de Trabalho

O relator do PL 1.992/07, do Executivo, que cria a previdência complementar do servidor, deputado Silvio Costa (PTB-PE) apresentou substitutivo ao projeto nesta segunda-feira (27), na Comissão de Trabalho da Câmara.

Desse modo, abre-se novo prazo para apresentação de emendas ao texto a partir desta quarta-feira (29), com prazo de cinco sessões para fechar esse prazo.

Foram apresentadas 60 emendas ao texto original. Destas, 52 foram aprovadas integralmente, duas parcialmente, e dezessete foram rejeitadas.

Tramitação
Em 7 de abril, o relator apresentou o primeiro parecer favorável ao projeto, cujo teor não foi apreciado, já que o deputado Policarpo (PT-DF) conseguiu aprovar requerimento para realização de audiência pública para debater a matéria.

Após a audiência, o relator teria se convencido da necessidade de formular mudanças no texto. Desse modo, pediu para reexaminar a matéria. No dia 14 de junho, a deputada Alice Portugal (PCdoB-BA) apresentou voto em separado que rejeita na íntegra a proposição.

Leia no Boletim do DIAP de junho matéria sobre o assunto

Leia também:
Previdência complementar: voto em separado é contra projeto do governo
Sindicatos combatem proposta de previdência complementar para servidor
Governo avisa servidor e pressiona deputados: quer fundo de pensão 
Previdência complementar do servidor: entenda o conteúdo da proposta
Previdência complementar: servidores contrários ao PL 1.992/07
Previdência complementar: relator diz que modificará projeto do Executivo
Antônio Queiroz: Previdência complementar dos servidores da União
Servidores públicos terão outro regime de previdência complementar

Clique aqui e veja a íntegra do substitutivo

Nós apoiamos

Nossos parceiros