Veja mais Agência DIAP

Empréstimo consignado: aposentado poderá usar até 30% do benefício

Share

O Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS) aprovou, nesta terça-feira (10), a ampliação do empréstimo consignado para 30% do valor da pensão ou do benefício do segurado. A medida irá beneficiar mais de 25 milhões de pensionistas e aposentados. A instrução normativa com as mudanças deve sair em até 15 dias.

A alteração adotada pelo CNPS retoma o formato que estava em vigor até maio de 2008, quando o crédito consignado foi limitado a 20%, sendo opcional a utilização 10% para operações com cartão de crédito.

Segundo o ministro da Previdência Social, José Pimentel, a mudança atende a uma solicitação das entidades de trabalhadores para que o crédito consignado voltasse a ser de até 30%.

"Acreditamos que haverá um incremento no fornecimento de crédito no Brasil. Isto representa um terço a mais na margem da capacidade de crédito para cada aposentado e pensionista", disse.

Superaquecimento da economia
De acordo com o secretário de Políticas da Previdência Social, Helmut Schwarzer, a expansão do crédito consignado, em 2008, estava ajudando a superaquecer a economia e, por isso, foi reduzido para 20% com objetivo de conter o consumo.

"Hoje a conjuntura econômica é diferente. Precisamos manter e preservar o consumo privado para que a economia se sustente", afirmou.

Helmut acrescentou que ao longo do ano passado houve um aumento do número de cartões de crédito utilizados por aposentados que chegou a 1 milhão de cartões em circulação. "Na minha opinião as pessoas esgotaram a sua margem de 20% para poderem financiar as suas despesas e passaram a usar o cartão de crédito, mesmo com o juros de 3,5%", afirmou.

Para a representante da Confederação Brasileira de Aposentados e Pensionistas (Cobap), no Conselho, Josepha Britto, a decisão é uma correção a algo que foi feito contra a vontade dos aposentados, mas considerou alto o juro de 2,5% cobrado no empréstimo.

INSS: melhor pegador
"O empréstimo consignado é a melhor garantia e o INSS é o melhor pagador do País, pois nunca atrasa o pagamento. Quem emprestou tem garantia que vai receber. Não é necessário manter um juro desses", disse.

O representante da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), no CNPS, Jorge Higashino, disse que a medida podia ter sido tomada antes.

"No Ceará os bancos estão sendo acionados criminalmente por estarem concedendo empréstimo superior aos 20%. O Ministério Público alega que os bancos estão gerando endividamento excessivo, mas o valor do empréstimo não cobre a necessidade dos aposentados", afirmou. (Fonte: Agência Brasil)

Agenda Política

Reformas da Previdência e do ensino médio, terceirização e trabalho intermitente
Veja o que as comissões poderão deliberar nesta semana.
Veja o que foi deliberado nessa semana.
Veja o que as comissõesdeliberaram nesta semana.
Veja o que os órgãos poderão deliberar nessa semana.
Agenda completa

Notícias

Veja mais notícias

Publicações do Diap

  1. Estudos Políticos
  2. Quem foi Quem
  3. Estudos Técnicos
  4. Cabeças do CN
  5. Educação Política
Veja mais publicações

Canal Diap

Acessar o canal

Nós apoiamos

Nossos parceiros